Tipo 5 – O Observador

A pessoa

 Em criança, poderá ter sentido falta de privacidade, tendo visto o seu espaço frequentemente invadido. Assim, criou a regra de que para ser amado, respeitado e aceite deve possuir tudo aquilo que não podem tirar-lhe, o conhecimento. Então, tem tendência a tornar-se reservado, auto-suficiente e a proteger-se de exigências intrusivas, desenvolvendo assim um sentido de avareza em relação a tudo o que considera essencial, em particular ao conhecimento.
A sua percepção é a de que o mundo é um lugar intrusivo e perigoso e então, procura defender-se retirando-se, minimizando o contacto, simplificando as suas necessidades e fazendo todo o possível para proteger o seu espaço privado. Nesse sentido, o foco da sua atenção vira-se para a preservação da sua privacidade, do não envolvimento e no armazenamento de conhecimento, valorizando o saber.
Para ele, o distanciamento das emoções é a garantia de as dominar, o que, por vezes, poderá dar a sensação de isolamento em relação aos acontecimentos da própria vida, fechando-se no seu castelo.

 O profissional

 Prefere espaços mais reservados, não se sentindo bem a trabalhar em open space e prefere um mínimo de supervisão ficando desconfortável com chefias que querem estar permanentemente informadas e que aparecem sem aviso prévio.
Aceita bem trabalhar sob um sistema autoritário que lhe permita estabelecer o seu próprio horário e lhe dê liberdade de escolha das condições de como vai interagir com os outros.
Desde que informado atempadamente do que esperam dele, pode ser expansivo e afectuoso.
Têm capacidade de concentrar-se em decisões difíceis por saber desviar a atenção dos medos e desejos que possam interferir.
Pela sua capacidade de planeamento detalhado e calma em situações de crise, é frequentemente o cérebro por de traz das situações. Tem apetência para iniciar projectos importantes e de longo prazo, que possam exigir pesquisas teóricas profundas e amplas, mesmo quando os desenvolve nos bastidores, sem que venha a ter o reconhecimento publico. É mais eficientes quendo é o cérebro, sem ser exposto a confrontos ou ter a responsabilidade do acompanhamento do projecto até à sua conclusão, ou de fiscalização dos detalhes.
Por outro lado, nos relacionamentos hierárquicos, pode ser evasivo quando as solicitações são em demasia, tornando-se fisicamente indisponível. 

Características da personalidade

positivas

a melhorar

ScreenShot083 Lógicos
ScreenShot083 Planeadores
ScreenShot083 Ponderados
ScreenShot083 Analisadores lúcidos e atentos
ScreenShot083 Inteligentes
ScreenShot083 Objectivos

ScreenShot083 Apáticos
ScreenShot083 Calculistas
ScreenShot083 Distanciados
ScreenShot083 Frios
ScreenShot083 Excessivamente analíticos
ScreenShot083 Desligados emocionalmente
ScreenShot083 Poucos assertivos
ScreenShot083 Retraídos e com tendência para se isolarem

Personalidades do tipo 5 – Emily Dickinson, O Buda, Meryl Streep, Franz Kafka

 

 

Os textos descritivos dos tipos são um breve resumo baseados em: Palmer, Helen, “O Eneagrama – compreendendo-se a si mesmo e aos outros em sua vida”, 2ª edição, Edições Paulinas, SP, Brasil.
Fonte do quadro “Características da Personalidade”: Eneacoaching.

Top